Pois é…

Eu dizia que não queria chegar aos 53kg tão cedo, mas comi exageradamente (desde segunda passada).
Hoje me pesei e estou com 53,3kg.
Para quem estava com 52,5kg, são quase 1 quilo de pura fofura em uma semana.
Agora vou fazer meu transport.
E acalmar minha gula.
Tão simples e tão complexo.
Mas, como sempre, estou motivada.
Em uma semana, vou recuperar isso. (talvez não, para ganhar é super fácil, para perder é mais difícil).
Posso não perder 1 quilo nessa semana, mas vou continuar com os bons hábitos que adquiri (vide pontos positivos) e diminuir (ou mesmo acabar) com os maus.

Anúncios

Tags:

2 Respostas to “Pois é…”

  1. Beth Says:

    Oi Borboleta, vim ler suas notícias, agradecer novamente a sua visita e seu comentário e responder à pergunta que deixou lá para mim, sobre o meu limite. Ocorre que eu tenho 51 anos (faltam pouco mais de 2 meses para eu fazer 52) e comecei a engordar muito, já de um jeito mais descontrolado, no início da fase adulta, devido a diversas coisas aliadas (maus hábitos chegando e ficando, porque eu deixei ficar + uma fase muito ruim na vida sentimental que abalou demais minhas estruturas + insistência em recorrer a métodos ineficazes e até perigosos – tratamentos com remédios, fórmulas etc. para emagrecer, me descompensando ainda mais e cada vez aumentando mais o peso + um monte de coisas). Acabei tendo uma história de ‘engorda’ que chegou
    à obesidade e obesidade mórbida com 140 kg e 49,66% de IMC e no todo, eu sustentei a elevação de peso crescente por mais de 26 anos. Eu já estava com quae 47 quando iniciei para valer um processo sério de RA. Emagreci 53kg com reeducação, mudando muito os hábitos, deixando de ser sedentária etc. ao longo de 3,5 anos, sendo associada do Vigilantes do Peso (grande luz na minha história) num processo gradativo, de muitas mudanças por fora e principalmente por dentro. Por orientação médica e de nutricionista, quando cheguei a 88.8kg e TEORICAMENTE a 10kg do peso meta ‘de tabela’ orientado para mim, que seria 78 a 79 kg, a minha meta no VP foi mudada para o peso em que me encontrava. Isto porque minha composição corporal mudou muito e meu corpo não mais respondia a qualquer movimento para emagrecer mais, cheguei a 87,2 e dali, nem a pau. Acontece que eu tenho um percentual significativo de pele, devido ao emagrecimento e, também, um percentual significativo de gordura não metabolizável, agarradinha aqui e que só sai no bisturi, está comigo há quase 30 anos. Somando-se estes percentuais, chega-se justamente na diferença entre o meu peso meta anterior “de tabela” e o peso no qual fui considerada “no ponto em que deveria ficar”. Por isso, minha meta acabou sendo, para médico, nutricionista e VP, 88,8kg. Porque não somos genéricos como as tabelas, somos específicos e no meu caso isto foi considerado.
    Então, hoje eu batalho para retomar esta faixa de peso que atingi antes, que é adequada à minha particularidade e, sinceramente, com a qual me sinto bem, fico bem. Nao fico magrinha, porque nem ficaria legal, quero ficar um coroa bem e não uma coroa parecendo uva passa hahaha
    Estou a poucos kg da meta, da qual me afastei no ano passado, de bobeira, por vacilos e estou me esforçando muito, com muita paciência e perseverança, para retomá-la, o que sem dúvida vai acontecer.
    Quando puder, e o dinheiro der (rs), quem sabe faço uma cirurgia plástica em abdomen, seios e costas, que sem dúvida ficaram precisando muito mesmo de um ‘esmeril’ haha
    É isso viu?
    Torço por você cpariche aí.
    Beijo

  2. borboleta44 Says:

    Muito bom o texto de Beth, que explica que nem sempre um ideal padronizado combina com nosso tipo físico, nosso histórico.
    Beth sabe das coisas. Obrigada, Beth!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: