Amanhã

Acabei nem contando no outro post, mas amanhã tem almoço com a família num restaurante super bom.
Digamos que até os meus 35 anos eu comia demais.
Aí chegaram os pneus e me conscientizei que precisava dar uma freada (pneus, freada… ha!).
A partir desses meus 35 anos, sou em quem controlo minha alimentação, nunca mais transfiro meu cérebro para o meu estômago (é essa a impressão que a gente tem no final).
Pela tarde, vai ter uma torta de morango e docinhos, chocolate, com café.
E é aí que mora o perigo.
Eu sou a gulosa da família (reconhecida com firma no cartório). Quando sobra bolo, ops, “dá pra borboleta que ela come”.
E eu contente da vida, comia mesmo.
Mas agora nada disso.
Parei!

Anúncios

Tags: ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: