O açúcar

Já diminuí bastante minha quantidade de açúcar.
Antes era uma colher de sobremesa para o café da manhã.
Depois passou pra uma de sopa (quanto mais você come, mais quer).
Agora, uma ponta de uma colher de café, pronto, já foi.
Mas demorei anos até chegar nessa quantidade. E não sinto nenhuma vontade de aumentar.

Anúncios

Tags:

2 Respostas to “O açúcar”

  1. Beth Says:

    Borboleta, obrigada pela visita, não há problema em citar o texto aqui, pois a idéia é realmente a gente compartilhar e se você gostou e acha que vai agregar a mais alguém, eu agradeço por esta avaliação positiva, pela receptividade e pelo interesse em fazer chegar a mais alguém uma mensagem positiva. Vim conhecer seu bloguinho, adorei e voltarei mais vezes (linkei) Beijo carinhoso, volte sempre lá no meu cantinho. Sucesso!!!!!

  2. borboleta44 Says:

    Beth, que bom! Gostei muito desse seu texto, pois resume bem o que vivi antes de decidir de me cuidar. Eu fui ganhando alguns quilinhos, deixando de usar certas roupas, até chegar ao ponto de considerar normal, colocando culpa na idade…
    Eu fico feliz porque dei um stop a tempo, melhor prevenir. Principalmente para mim, que quando encontra um obstáculo muito grande, fico desanimada rápido.
    Um abraço! Te visitarei sempre.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: